Ex-jogador investe em boleiros e no futebol feminino para expandir marca de roupas

Maurício Nassar.jpg
Foto: Reprodução | FutPress

O ex-jogador de futebol Maurício Nassar, com passagens por Juventus, Atlético Sorocaba, Matonense, Tigres-RJ e Duque de Caxias, teve que encerrar muito cedo sua carreira, aos 22 anos, após uma série de lesões e o fator principal: a falta de dinheiro.

O que era pra ser uma história triste e que poderia ter causado danos maiores, até psicológicos no ex-atleta, se transformou em história de superação. Para se manter perto do meio futebolístico, Maurício, que hoje tem 28 anos, se aventurou na moda e criou a marca Eleggoá: “precisava me reinventar”, diz Maurício.

Em busca de Elegância e Ego, palavras que deram origem ao nome da marca, o empresário vai completar em dezembro de 2019 dois anos do novo negócio. E ele garante que os amigos boleiros são fundamentais para o sucesso da loja:

– Minhas amizades foram fundamentais desde o início do projeto em vários aspecto. Na divulgação, mídia e motivação principalmente dos mais próximos que deram muita força e acreditaram na marca – enaltece Maurício, que recorda das amizades com nomes como o pentacampeão do mundo Denilson, os ex-corintianos Léo Jabá, Malcom e Marciel, os ex-são paulinos Lyanco e David Neres.

Maurício está há um tempo apoiando e incentivando o esporte que ganhou notoriedade em 2019. O futebol feminino também rendeu algumas parceiras ao empresário.

– Comecei a me envolver mesmo a partir de 2017 através da Janaína, que hoje atua no Braga, onde comecei a frequentar jogos e acompanhar. Com o passar do tempo fui estreitando a amizade com as meninas e pegando gosto pela modalidade, e vendo de perto a carência que a mesma tem de apoio e patrocinadores. Hoje praticamente a seleção toda é nossa parceira. Tenho muito orgulho de ser referência no assunto – declarou o ex-jogador.

Os artistas Ferrugem, Gusttavo Lima, Turma do Pagode, Pixote e Mc Kekel são alguns dos famosos que levam a roupa e o nome Eleggoá para o mundo todo.” Foi muito importante esse trabalho de divulgar a marca. Teve uma vez que eu peguei 100 camisas sem que meu sócio soubesse e dei para as pessoas. Isso fez a diferença”, diz o empresário que hoje tem um showroom Anália Franco e também vende por atacado do escritório que montou em casa.

Fonte: FutPress

Uma goleada de informação – Trivela na Rede

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.