Sindicato paulista oferece atendimento psicológico gratuito para atletas durante período de isolamento social

tuddo
  Atletas do projeto Expressão Paulista receberão atendimento | Foto: Fábio Giannelli – Soccer Digital

As sessões serão on-line e os agendamentos realizados por e-mail

Que o mercado esportivo é feito de pressão e cobrança por resultados, isso todo atleta profissional sabe. Mas até que ponto a mente de quem vive do esporte de alto rendimento está preparada para enfrentar essa batalha?

Pensando no bem-estar da categoria e no momento crítico que vive a sociedade brasileira, o Sindicato de Atletas SP reforçou seu time de atendimento com o psicólogo esportivo, Luís Eduardo d’Almeida Manfrinati. Ele é Bacharel em Psicologia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) e Mestre pelo Programa de Pós-graduação Interdisciplinar em Ciências da Saúde (UNIFESP).

“É mais um reforço importante para o Expressão Paulista e para toda a categoria. Em momentos críticos como esse, devemos usar todas as ferramentas para auxiliar os atletas, tanto os que estavam atuando como os que estavam sem clube. Nesse mundo de incertezas, a chance de uma depressão aumenta muito. É um apoio de extrema importância”, destaca Anaile Ziccarelli, coordenadora de projetos do Sindicato de Atletas São Paulo.

O psicólogo passa a integrar o Centro de Formação Humana do Projeto Expressão Paulista, e pelo menos até o fim do período de isolamento social, atenderá gratuitamente atletas com sessões online.

“É muito significativo poder fazer parte dessa equipe. Em uma perspectiva profissional, acredito que todos buscam algo que faça sentido em suas carreiras. No meu caso, um propósito que alinhe com valores como o desenvolvimento humano no esporte, e vejo muito disso nas iniciativas do Sindicato e nas ideias para o Expressão Paulista”, disse Manfrinati.

Os agendamentos serão realizados através do e-mail: presidencia@sindicatodeatletas.com.br.

O Expressão Paulista tem o patrocínio de For Players, o protetor solar oficial dos atletas.

Sobre o Expressão Paulista: O Expressão é um projeto do Sindicato dos Atletas de SP, que beneficia os jogadores que estão sem time.

No Centro de Formação Humana o atleta tem à sua disposição profissionais qualificados como: técnico, treinador de goleiro, fisioterapeuta, coch e assistente social. Além dos treinamentos, o Centro de Formação tem outros objetivos, principalmente o de proporcionar uma reflexão dirigida aos atletas para que possam compreender a si mesmo e conquistar cada vez mais autonomia. A troca de experiências é conduzida por, Bruno Tsai (coach), Silvana Trevisan (orientadora social), sob a coordenação de Anaile Ziccarelli (coordenadora de projetos) e Luís Eduardo Pinella (vice-presidente do Sindicato de Atletas SP).

Para adquirir o benefício o atleta deve possuir o período mínimo de (seis) meses de registro de contrato de trabalho profissional. Os treinamentos acontecem três vezes por semana das 09h às 11h, em dias alternados. A entidade oferece transporte gratuito com saída do metrô Tatuapé.)

EXPRESSÃO PAULISTA – EQUIPE DE TRABALHO

Vice-presidente: Luís Eduardo Pinella
Coordenadora de Projetos: Anaile Ziccarelli
Assistente Social: Silvana Trevisan
Coach: Bruno Tsai
Psicólogo: Luís Eduardo Manfrinati
COMISSÃO TÉCNICA
Treinador: Aguinaldo Mota (Guina)
Prep. Físico: Reinaldo Alves
Prep. Goleiros: Júlio César Bonfim
Massagista: Ciro da Silva

SOBRE O SINDICATO DE ATLETAS SP: Há 72 anos defendendo a categoria dos atletas profissionais do estado de São Paulo, o Sindicato de Atletas São Paulo foi fundado em 23 de julho de 1947 por um grupo de 15 pessoas comandado pelo cronista Aurélio Campos e elegeu Hélio Caxambu (ex-São Paulo FC e Portuguesa de Desportos) como o primeiro presidente.

Após décadas de luta para manter as portas abertas, foi em 1993 que a entidade mudaria sua trajetória. A chegada de um novo presidente ainda em atividade, Rinaldo Martorelli (ex-Palmeiras e que defendia o Taubaté) trouxe novos planos e metas para o sindicato paulista.

De lá para cá foram dezenas de conquistas, como a compra da atual sede na Rua do Bosque, na Barra Funda. Entre elas estão: Fim da Lei do Passe, fim do afastamento de trabalho (treinar separado do elenco), férias de 30 dias, pré-temporada mínima de 30 dias, intervalo mínimo de 66 horas entre partidas, Direito de Arena (participação dos atletas nas cotas televisivas), Certificado de Monitor Esportivo (exercício legal da profissão), fundação da Federação Nacional de Atletas Profissionais, parada para hidratação, mudança de horário nos jogos em horário de verão, Expressão Paulista (núcleo de treinamento para atletas sem clube), perda de pontos para clubes devedores, sub sede em Ribeirão Preto e fundação do Sindicato Nacional dos Atletas Profissionais.

Fonte: Sindicato de Atletas SP | Tuddo Comunicação

Uma goleada de informação – Trivela na Rede

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.